Home / Região dos Lagos / Funcionário de mercado em Cabo Frio é agredido por cliente

Funcionário de mercado em Cabo Frio é agredido por cliente


William Nogueira, de 39 anos, trabalha no estacionamento do supermercado e segundo ele, a mulher estacionou o carro por volta das 10h da manhã, mas não permaneceu no estabelecimento, retornando às 14h30 da tarde. ////
////
O William Nogueira, de 39 anos, funcionário de uma rede supermercados em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio, foi agredido por uma cliente, na tarde de sábado (16), após a mulher se recusar a efetuar o pagamento pelo tempo de permanência no estacionamento do mercado.
Segundo William, a mulher estacionou o carro por volta das 10h da manhã, mas não permaneceu no estabelecimento, retornando às 14h30 da tarde.
Ainda segundo William, ele disse que o custo pelo estacionamento foi de R$ 22,00 e que ao apresentar a conta à motorista, ela disse que não tinha dinheiro e que tentou sacar em um caixa eletrônico e não conseguiu.
De acordo com o funcionário, a mulher foi orientada a estacionar em um canto para que outros carros pudessem deixar o local, foi quando ela desceu do automóvel e levantou a cancela, logo em seguida foi em direção ao rapaz e deferiu um soco na boca seguidos de tapas.
Ao G1, William disse que não tinha certeza de quem era a mulher. No vídeo publicado em suas redes sociais, é possível ver o adesivo de uma candidata a vereadora do município de Duque de Caxias, Estado do Rio.
William chegou a publicar em sua redes, que foi agredido por uma vereadora de Duque de Caxias, 17 horas depois o post passou por uma edição, onde foi retirado a citação.
William fez o registro online na Polícia Civil, antes ele foi até à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Parque Burle, onde foi atendido e recebeu o Boletim de Atendimento Médico.
“A gente trabalha naquela intuição que a qualquer momento ela vai chegar aqui. Eu fiquei abalado, não vou negar. Estou assustado. Qualquer um que aparece aqui eu acho que é ela,” disse William.
O G1 entrou em contato com a vereadora que aparece no adesivo do veículo, Delza de Oliveira, que disse, que não estava em Cabo Frio e mesmo que estivesse, jamais faria algo daquele tipo.
Ainda de acordo com a vereadora, ela deixou a cidade no dia 4 de janeiro e que na tarde de sábado (16), estava fiscalizando obras no município de Duque de Caxias.
O G1 entrou em contato com a polícia e aguarda retorno.
O G1 tenta contato com a rede de supermercado.

Fonte: G1 (Região dos Lagos)

Origem.