Home / Noroeste Fluminense / Professora de Biologia do RJ utiliza realidade virtual para explicar funções do corpo humano

Professora de Biologia do RJ utiliza realidade virtual para explicar funções do corpo humano


Educadora de Campos dos Goytacazes usa um aplicativo instalado nos aparelhos de telefone celular dos alunos durante as aulas. Proposta faz parte da pesquisa de mestrado profissional da docente
Divulgação/Seeduc
Uma professora de Biologia do Colégio Estadual Doutor Thiers Cardoso, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, apostou na tecnologia para explicar de maneira interativa as funções do corpo humano.
Marcelle Manhães utiliza um aplicativo instalado nos aparelhos de telefone celular dos alunos para que eles sejam conduzidos e participem de passeios virtuais.
A proposta faz parte da pesquisa de mestrado profissional da docente, que investiga como dispositivos móveis podem ser utilizados como instrumentos pedagógicos no processo ensino-aprendizagem.
Segundo Marcelle, os alunos baixaram o aplicativo “Expedições”, que disponibiliza tours em realidade virtual e aumentada, e ela aplica o conteúdo em sala de aula.
De acordo com ela, a realidade virtual pode ser visualizada por meio de um óculos, que é instalada em uma caixa de papelão, que proporciona uma visão imersiva e interativa.
A professora explicou que para realizar os tours em realidade aumentada é preciso imprimir um marcador (disponível no próprio aplicativo), a câmera do telefone faz a leitura do marcador e projeta diferentes imagens.
“A ideia é fazer uma aula mais participativa e menos abstrata. O uso do aplicativo têm motivado os alunos e auxiliado na compreensão dos conteúdos”, garantiu a professora.
Marcell utiliza um aplicativo instalado nos aparelhos de telefone celular dos alunos
Divulgação/Seeduc
O secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes, declarou que a utilização de ferramentas tecnológicas e outros recursos podem auxiliar os professores nas atividades em sala de aula.
“É interessante saber que professores utilizam metodologias diversificadas para ensinar e que saem ‘da caixa’. A tecnologia é uma aliada importante no processo ensino-aprendizagem e também para a compreensão dos conteúdos”, disse o secretário.
Veja outras notícias da região no G1 Norte Fluminense.
Realidade virtual pode ser visualizada por meio de um óculos, que é instalada em uma caixa de papelão
Divulgação/Seeduc

Fonte: G1 (Noroeste Fluminense)

Origem.