Home / Noroeste Fluminense / Encontro reúne representantes do setor offshore para discutir desafios e oportunidades para a área em Macaé, no RJ

Encontro reúne representantes do setor offshore para discutir desafios e oportunidades para a área em Macaé, no RJ


Evento aconteceu nesta terça-feira (19) no Hotel Gran Nobile. Representantes de empresas de petróleo e gás que operam na Bacia de Campos se reuniram nesta terça-feira (19)
Divulgação/Brasil Offshore
Representantes de empresas de petróleo e gás que operam na Bacia de Campos se reuniram nesta terça-feira (19) na Avant Première Brasil Offshore, um encontro que apresentou os desafios e oportunidades do setor em Macaé, no interior do Rio.
Autoridades e representantes de instituições da área também estiveram no evento.
O evento foi um preparatório para a Feira Brasil Offshore que é realizada a cada dois anos e, em 2019, será entre os dias 25 e 28 de junho. A expectativa é que a feira gere R$ 300 milhões em novos negócios.
De acordo com Daniel Pereira, gerente da feira Brasil Offshore, a reunião foi dividida em dois painéis. No primeiro, foram apresentadas as visões das empresas que operam na Bacia de Campos e, no segundo, apresentadas as visões de autoridades e instituições como a Firjan, o Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás (IBP) e o Ministério de Minas e Energia.
Na abertura do evento, a jornalista Christiane Pelajo falou sobre os desafios e oportunidades do setor, fazendo uma introdução ao cenário econômico, político e internacional.
No primeiro painel, estiveram presentes o presidente da Shell Brasil, André Araújo; o presidente da BP Energy Brasil, Adriano Bastos; e o Country Manager BHGE e diretor da Abespetro, Alejandro Duran.
Já no segundo painel, estiveram o secretário geral do IBP, Milton Costa; a gerente de Petróleo, Gás e Naval do Firjan, Karine Fragoso; o secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do MME, Marcio Félix; e o prefeito de Macaé, Dr. Aluízio.
O gerente da feira Brasil Offshore Daniel Pereira ressaltou que a feira é importante para o setor e é onde muitos empresários buscam fornecedores e fecham negócios para atuação na área.
Feira Brasil Offshore
A feira já atua há 20 anos potencializando os negócios na Bacia de Campos.
A última edição da feira foi realizada em 2017 e teve mais de 40 horas de atividades como palestras, painéis e demonstrações técnicas; mais de R$ 100 milhões em negócios iniciados durante o evento; além de uma rodada de negócios que contou com 370 reuniões e movimentou mais de R$ 142 milhões em negócios.
A expectativa é que em 2019 a feira gere R$ 300 milhões em novos negócios.

Fonte: G1 (Noroeste Fluminense)

Origem.