Home / Região dos Lagos / NOTÍCIA & OPINIÃO

NOTÍCIA & OPINIÃO

MM

“Ladrão” & “Ladrão”

Aos gritos de “ladrão”, “ladrão”, o prefeito de Cabo Frio, Marquinhos Mendes (MDB) deixou a sede da InterTV, escoltado por dois carros da Polícia Militar, que foram abrindo caminho entre os manifestantes. O prefeito tinha acabado de dar entrevista à jornalista Ana Paula Mendes no InterTV, 1ª edição.

Pegou mal!!!

Durante a entrevista o prefeito de Cabo Frio mostrou-se bastante inquieto e nervoso, chegando a ser indelicado com a jornalista e apresentadora Ana Paula Mendes (não é parente do prefeito). Marquinhos Mendes, em diferentes oportunidades, atropelou a jornalista, parecendo querer impedir o livre debate. Pegou mal!

A tensão estava no ar.

Bem diferente do entrevistado do dia anterior, o prefeito de Campos, Rafael Diniz (PPS), Marquinhos Mendes (MDB) se revelou tenso desde o primeiro momento. A sua tensão impediu a entrevista de ser esclarecedora (talvez esse tenha sido mesmo o objetivo) e revelou que o prefeito de Cabo Frio é despreparado para enfrentar situações, que possam complicar sua carreira política.

Prudência não faz mal a ninguém.

O prefeito afirmou com todas as letras que foi um equívoco do Ministério Público, da Polícia Federal e da mídia o anúncio de suspeição sobre a corrupção em torno de 60 milhões de reais na Comsercaf. Não seria melhor para a imagem do prefeito e do seu governo esperar o resultado das investigações? E se ao final a Polícia Federal diz o contrário?

Administração de problemas.

CLAUDIO_MOREIRA_2

O ex-presidente da Comsercaf, Cláudio Moreira foi libertado do batalhão prisional através de habeas corpus, concedido pelo TJ (Tribunal de Justiça). Será outro problema que o prefeito e o interventor, Luís Cláudio Gama, terão que administrar ou a questão da autarquia foi inteiramente resolvida nesses poucos dias pós-intervenção?

Comportamento semelhante ao de Alair: a mesma ladainha!

Os manifestantes, munidos de faixas, estavam em número expressivo e eram em grande parte servidores públicos municipais, que estão com seus salários atrasados e outros benefícios cortados. O prefeito vem descumprindo todas as promessas que fez durante a campanha e se comportando de forma muito semelhante ao seu antecessor, Alair Corrêa (Progressistas).

Paciência dos servidores se esgotou.

A manifestação revela que a paciência dos servidores municipais se esgotou. Até mesmo as lideranças sindicais, que apoiaram a candidatura de Marquinhos Mendes (MDB), em 2016, estão irritadas com a insistência do prefeito em manter o mesmo modelo, que vigora há 20 anos dentro de Cabo Frio.

Marquinhos: mais uma vez tentando escolher o adversário.

Por orientação do seu grupo político, o prefeito tenta escolher o seu adversário e aponta o dedão contra o seu antecessor. É uma tentativa a essa altura desesperada e inócua de manter o debate e o campo da oposição sob controle. O prefeito sabe que além dos xingamentos e acusações esdrúxulas o seu antecessor nada tem a oferecer. Os dois se conhecem e tentam manter o quadro político cristalizado.

“Cosme/Damião”

As tentativas da dupla “Cosme/Damião”, ou melhor, Alair/Marquinhos não conseguem ter impacto sobre a sociedade e o mundo político em particular. Todos conhecem as peripécias, acordos, encontros entre os dois políticos que vivem “entre tapas e beijos”. Nesse campo, ao menos, a manipulação não cola mais.

Novo caminho!

A sensação é que o tempo de Alair e Marquinhos na política acabou. Eles, entretanto, tentam se manter a tona, dificultando o trabalho de renovação na cidade. Tentam manter o modelo, que descapitalizou o município, tornando Cabo Frio atrasada, andando para trás e com práticas políticas desmoralizadas. É preciso abrir caminho para um novo tempo.

Fonte: Jornal do Totonho

Origem.